Facebook Pixel

Ménage

Fernando – One thing i am sure. What people will be thinking when they heard this, is something like “oh things are so much harder in Portugal than in North America”. I personaly desagree. For the band it’s no easy here, in Canada or America. I think it’s hard anywhere. I think the challenge might be english speaking, the universal language. But, english music, wether we are in Portugal, States or Toronto… it can be can heard online. It is possible to be in Portugal and be sucessful out of it since music lives up to it.

Numa coisa estou certo… as pessoas vão pensar, quando lerem isto, que “a vida é mais dura em Portugal do que na América do Norte”. Eu, pessoalmente discordo. Penso que é difícil onde quer que estejamos. Para a banda não é mais fácil nos Estados Unidos, ou no Canadá. Acho que o desafio é mesmo o não se falar inglês, que é a língua universal. Mas a música inglesa quer se esteja em Portugal, na América ou em Toronto… está mais facilitada por causa da internet.
É possível ter-se um projecto em Portugal e ser-se bem sucedido lá fora, desde que a música se sobreponha.

J.D. – Did you tought about making a portuguese music album?
Alguma vez pensaram em fazer um álbum em português?

Bela – I think we speak portuguese, enough to get buy. We would like to speak perfectly portuguese but we don’t. The challenge is not only the grammar because you can ask help for that, but it’s more like… we write about stories about the day to day life, it’s like real life stories and dreams, very personal and i think until we can think in portuguese, it’s a little bit dificult and seems almost manufactured and not sincere, if you are trying to make it work and fit in it, or translate directly. It looses a little bit it’s autenticity. So personaly i don’t feel confortable to write in portuguese yet. We have in our current single “Beautiful Disaster” a part in portuguese, so maybe that’s the first step… so we’ll see.

Acho que falamos um português suficientemente bom para vendermos discos. Gostávamos de falar um português perfeito, mas não o fazemos. O desafio nem é a gramática porque para isso pedíamos ajuda. A questão é que escrevemos acerca das histórias do dia-a-dia, são histórias da vida real, muito pessoais e acho que até conseguirmos pensar em português, é um pouco difícil o fazermos porque iria parecer algo construído e nada sincero. Perde a sua autenticidade. Por isso, pessoalmente ainda não me sinto confortável a escrever em português. Temos no nosso novo single “A Beautiful Disaster” uma parte em português, por isso quem sabe é o começo… vamos ver.

J.D. – How about you, Oscar and Shane would you like to live and work in Portugal?
E vocês, Oscar e Shane gostariam de viver e trabalhar em Portugal?

O.B. and S.F. – Yeahhhh (laughs)… can we?…
Simmmmm (risos)… podemos?…

J.D. – How have been the portuguese audience, how have been the feedback to your music?
Como tem sido o público português? Como têm reagido à vossa música?

Bela – We’ve been here before, making some TV shows and other things and we are going to start next week the concerts, but so far it’s being very warm the welcoming. Everyone here want to feed you (laughs)… and they keep in touch. If you keep a open heart, other people get an open heart and it’s nice to feel that faithfull friendship with strong connection.

Já cá temos estado, mas a fazer coisas em televisão e noutros suportes e vamos começar entretanto os nossos concertos para a semana, mas até agora está a ser muito calorosa a nossa recepção. Todos nos querem alimentar (risos)… e manter o contacto. Se mantivermos o coração aberto, as outras pessoas também o abrem e isso é muito bom sentir essa amizade verdadeira juntamente com uma ligação forte.

J.D. – How about your references, tell me about them?
Falem-me acerca das vossas referências musicais?

Oscar Bass

Oscar Bass

Oscar Bass – For me, one of my favourite bands is Red Hot Chilli Peppers, but i really like a lot jazz fusion with EDM (Electronic Dance Music) and dub step and some rock. I like a little bit of everything. I can name a lot of bands but i guess we have limited time (laughs)… if i start i wouldn’t be able to stop (laughs).

Para mim uma das minhas bandas favoritas são os Red Hot Chilli Peppers, mas eu gosto de jazz de fusão junto com música de dança electrónica, dub step e algum rock. Gosto um bocadinho de tudo. Posso nomear umas quantas bandas, mas penso que o tempo não ia chegar (risos)… se eu começo, depois não consigo parar (risos).

Shane Fester

Shane Fester e Bela

Shane Fester – I really have a wide range of influences for my music, because i play a lot of diferent instruments as well. In Ménage i play guitar, and for some guitar players like me, i have favourite local bands, like “Boys Night Out”. They are like Ménage, energetic, they are punk, rock and are pop too. They have all that stuff. But i would say that i like The Smiths, Morrisey, David Bowie… and Ménage (laughs), but i can’t say that because i am in the band too (laughs)… ok, and i have two Ménage t-shirts (laughs)

Eu tenho um grande rol de influências na minha música, porque toco diversos instrumentos. Com os Menáge toco guitarra e nesse sentido tenho bandas favoritas, mas locais como os “Boys Night Out”. Eles são como os Ménage, enérgicos, um pouco punk, rock e também têm pop, existe tudo isto. Mas posso dizer que gosto dos Smiths, Morrisey, David Bowie… e os Ménage (risos), mas não posso dizer isto porque faço parte deles (risos)… ok, e tenho duas t-shirts dos Ménage (risos)

Fernando Ferreira

Fernando Ferreira e Bela

Fernando – I like the rock bands, those who are energetic and the ones with who i grew up with, but sometimes you feel tired of it and you feel like ear other things, like Melow, or Portished. I guess it depends on the state of mind.

Eu gosto das bandas rock que são enérgicas, e daquelas com as quais eu cresci, mas por vezes cansa-me e apetece-me ouvir outras coisas, como Melow ou Portished. Penso que depende do estado de alma.

Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Instagram