“Projecto CIRO”

São Ciro

CIRO S. JORGE-020

Marte Ciro

| Quem se deslocou no dia 7 de Dezembro em 2014, ao Cinema São Jorge para assistir ao lançamento do 2º EP do “Projecto CIRO”, confrontou-se com um espectáculo de rock puro e duro.

Liderado pelo multifacetado instrumentista Marte Ciro, o projecto com o seu nome, apresentou na sala Montepio um alinhamento robusto baseado no seu último EP “Surdo”, uma edição independente que já se tornou a imagem de marca da banda.

Os cúmplices de Marte nesta viagem ao mundo do rock são uma poderosa secção rítmica composta por Sérgio Quim na bateria, Tiago Silva na viola baixo e as guitarras a cargo de Carlos Campos e Pedro Boalhosa, até porque isto de fazer música em Portugal sem cúmplices não era a mesma coisa.

Como se isso não chegasse, Marte Ciro convidou ainda uma mão cheia de amigos para partilhar o palco, entre eles Samuel Palitos, Igor Azougado, João Pedro Almendra e os Dalai Lume, o que provocou um arrastão de rock nacional. Os fãs entoaram em uníssono canções como “Sopa” dos Censurados, cantado pelo Samuel Palitos e ”Enquanto a Noite Cai”, dupla homenagem aos Xutos & Pontapés e Censurados (canção que tocavam muitas vezes ao vivo mantendo sempre viva a cumplicidade entre estas duas grandes bandas do rock nacional).

O concerto, contou ainda com a colaboração de Zorb, vocalista dos “Dalai Lume”, que voltou mais tarde ao palco para tocar com Marte o tema “Ao Contrário”.

João Pedro Almendra levou o público ao delírio com “Já Estou Farto”, tema dos “Kú de Judas”, banda da qual João Pedro foi vocalista juntamente com o malogrado João Ribas, os quais criaram uma das maiores bandas punk de culto nacional.

Longa vida ao “Projeto Ciro”.

[ Fotorreportagem ]

Fotos: © Jorge Buco

Partilhar...
Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
Instagram