Sónia Adonis Jewellery
Visitar Goste da página Facebook Contacte Adonis Jewellery

Lidia Bastianich, Chef

Faça as malas, porque está de partida para Itália com “Lidia’s Italy”.

A reconhecida Chef Lidia Bastianich celebra o país e a cozinha que tão bem conhece.

food_networkNesta série, nomeada para os Emmy Awards e já premiada com um galardão “James Beard”, a nossa simpática anfitriã parte em direcção à ilha da Sardenha, ao sul da Calábria, à região de Abruzzo e à Riviera italiana (conhecida como Ligúria).

De regresso à sua cozinha, Lidia – frequentemente acompanhada pela sua família, amigos e chefs convidados, recria os pratos simples mas deliciosos que vimos nessas suas viagens.

Ao longo do programa, os amigos e a família são uma companhia frequente para Lidia, incluindo a sua filha Tanya, uma autoridade em Arte Renascentista italiana, com um doutoramento em História de Arte pela Universidade de Oxford.

Tanya apresenta-nos alguns dos tesouros culturais favoritos e secretos de Lidia, enquanto o seu filho Joseph, um vitivinicultor premiado, aparece também muitas vezes para falar sobre vinhos regionais.

No final de cada episódio, regresso à cozinha familiar de Lidia, para ela nos ensinar algumas receitas sumptuosas e que qualquer telespectador pode preparar em sua casa.

Lidia BastianichLidia Bastianich é uma Chef com créditos firmados nos Estados Unidos e que agora chega aos ecrãs portugueses através do “Food Network”.

Lidia é apaixonada pela gastronomia italiana, pelos ingredientes mais básicos (e “obrigatórios” em qualquer cozinha) e pela família, que gosta de ter sempre à volta da mesa. Isso mesmo pôde o Jornal Dínamo® comprovar numa conversa bem simpática com Lidia Bastianich…

J.D. – Fale-nos um pouco sobre o conceito deste programa…

L.B. – Este programa é um misto de viagens e culinária. Acho maravilhoso poder levar os espectadores a diversas regiões de Itália, visitar os produtores e conhecer os produtos locais. Só depois de contextualizar os espectadores sobre os produtos que vou utilizar é que passo à cozinha para poder partilhar com eles algumas receitas. Além de que estas viagens que faço são óptimas para se fazer com a família. Para mim, a cozinha inclui a família!

J.D. – Como é que tudo começou para si?

L.B. – Na realidade, eu cozinho desde que me conheço! A minha família emigrou de Itália para os Estados Unidos, a minha avó tinha uma trattoria, por isso a culinária, e em particular a italiana, sempre fez parte da minha vida.

Aos 24 anos eu e o meu marido abrimos um pequeno restaurante. Os clientes gostavam muito do espaço e da comida, a imprensa começou a interessar-se por nós e depois isto foi crescendo… Acabei por abrir outros restaurantes, tenho publicado livros e fui convidada a fazer programas de televisão. E já faço televisão há 10 anos…

J.D. – Qual é o segredo do seu sucesso?

L.B. – É muito importante ter os conhecimentos correctos sobre os ingredientes e não só. É fundamental ter tempo para cozinhar e sobretudo para apreciar uma refeição. E é isto que tento transmitir aos espectadores. E, claro, dar-lhes as ferramentas certas para poderem fazer o que eu faço na cozinha.

J.D. – O que é que a cozinha italiana tem de tão especial para si e por que acha que é tão popular?

Lidia BastianichL.B. – Eu defendo que as mesas em Itália (ou nas casas de famílias italianas) têm um íman! Mais importante que fazer ou apresentar um prato muito elaborado, o segredo está numa gastronomia simples e no facto de as famílias ainda comerem juntas, de terem prazer em desfrutar de uma refeição sentados à volta da mesma mesa. Além disso, a cozinha italiana é simples e, como eu costumo dizer, é uma gastronomia real e nutritiva.

Não é difícil confeccionar um prato italiano. Basta para isso ter os ingredientes certos, conhecê-los bem e como se cozinham. Garantidamente, no final vai ter bom aspecto, vai cheirar bem e sobretudo vai saber muito bem!

J.D. – Quer a gastronomia italiana quer a portuguesa têm um denominador comum: pertencem à gastronomia mediterrânica. O que é que conhece da nossa comida?

L.B. – Portugal é um país de marinheiros e pescadores. Tem peixe óptimo e vegetais. E tem uma coisa que é semelhante a Itália: é sazonal. A gastronomia ganha imenso com este factor, porque pode ser variada o ano inteiro. E depois… há o vinho português, que é magnífico!

J.D. – Quais são para si os ingredientes que não podem faltar numa cozinha?

L.B. – Azeite, alho, pimenta, vegetais variados, tomate (sempre tomate!) e, claro, massa! Isto é o básico e a partir daqui pode fazer-se qualquer coisa.

J.D. – Qual é o seu prato favorito?

L.B. – Não tenho… Gosto muito de peixe e de vegetais. E de pasta! Com pasta posso fazer qualquer coisa, da mais simples à mais complexa. E gosto de experimentar coisas diferentes e sobretudo poder aproveitar o que referia há pouco: a sazonalidade. É como se viajasse com as estações do ano…

J.D. – Vê muita televisão? Que programas vê? Só de culinária, ou a escolha é mais variada?

Lidia BastianichL.B. – Bom, como é natural vejo muitos programas de culinária, até porque nos últimos anos houve uma explosão de programas do género. Vejo e aprendo muito com os programas e concursos. Mas também gosto de programas de música clássica, natureza, séries, notícias e não resisto a um bom filme.

J.D. – Tem algum ídolo…?

L.B. – Julia Child! Éramos amigas e foi ela que me ensinou a partilhar a minha paixão com os espectadores. Ela era muito simples.

O approach dela era simples: a paixão! Às vezes não se trata de ser ou não um top chef, mas de se transmitir uma coisa básica: cozinheiro é aquele que cozinha com amor! E depois, claro está, a minha avó: lembro-me que cozinhava tudo com muito amor e com muito sabor!

J.D. – Que conselhos daria a um espectador português prestes a atrever-se a ir para a cozinha pela primeira vez?

L.B. – Pensem nos produtos a utilizar primeiro. Conheçam os produtos e o que podem fazer deles. Tirem partido das estações do ano e dos diferentes produtos que podem encontrar. Descubram aquele ingrediente especial dessa estação e procurem uma receita.

Muito importante: não tenham medo! Lembrem-se que podemos fazer qualquer coisa na cozinha. Acima de tudo, sintam-se confortáveis com a comida e sobretudo com a vossa cozinha. A comida não tem assim tantos segredos, por isso toda a gente pode cozinhar. Lembrem-se: os ingredientes são o mais importante. Vão para a cozinha, relaxem, de preferência com um copo de vinho, e deixem-se ir…

Poderá ver Lidia Bastianich, no programa “Lidia’s Italy”, em episódios duplos:

Segundas às 20H00 e 00H35; Sextas às 22H55; Domingos às 19H10 e 23H45.

Em Portugal, o canal “Food Network” passa na plataforma ADSL e FIBRA, posição 103 do MEO.

O Jornal Dínamo® agradece à Chef Lidia Bastianich e a todos os que tornaram possível esta entrevista.

Fotos: Press.in
Fonte: Lidia Bastianich

Comentar

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Social media & sharing icons powered by UltimatelySocial
RSS
Facebook
Facebook
Instagram